Olá,  seja bem-vindo!  |  Entrar  |  Criar conta  |  Precisa de ajuda?

Economia>> FIEAM e Banco da Amazônia discutem alavancagem de negócios em 2010 e para os próximos anos

Publicado para Jerry Araújo em sábado, 7 de novembro de 2009 | 7.11.09

Ao anunciar volume de R$ 757 milhões para aplicação no Amazonas, no próximo ano, em operações de crédito de fomento e comercial, o presidente do Banco da Amazônia (BASA), Abidias de Sousa Junior, revelou que há dois anos e meio o montante não ultrapassava R$ 120 milhões. A revelação foi feita em reunião com empresários na Federação das Indústrias do Estado Amazonas (FIEAM).

+Siga o MN no Twitter!

Ele explicou que os bancos públicos tiveram papel importante frente à crise econômica e um dos estímulos por ele citado foi a oferta de crédito para capital de giro para micro e pequenas empresas, via FNO – Amazônia Sustentável, com taxas de juros de 6,75% a 8,25% ao ano, direito a bônus de adimplência e isenção de IOF.

Para as grandes indústrias, o Banco investiu R$ 7,5 milhões para capital de giro, a taxas de juros entre 8,5% e 10%. Abidias Junior destacou ainda os principais projetos financiados pelo Banco da Amazônia no Estado do Amazonas: projetos de Infraestrutura-Geração de Energia/Manaus; construção de Shopping Centers de Grande Porte/Manaus; turismo-hotelaria/Manaus; construção e instalação de novas fábricas- PIM/Manaus; construção e instalação de indústrias metalúrgicas/Manaus; construção e instalação de empresas de Serviços-Saúde/Manaus; comércio e serviço-construção civil/Manaus; indústria de beneficiamento de frutas e polpas/Humaitá e operações de Manejo Florestal (FNO-Biodiversidades)/Maués.

"Os presidente do Sistema FIEAM, Antonio Silva, junto com o presidente do BASA, Abidias Junior."

Segundo Abidias Junior, os financiamentos do Banco em 2010 serão mais ousados, com vistas a incentivar os empresários do Amazonas. Confirmou ainda que o Banco da Amazônia é a principal opção financeira para o empreendedor local, já que 70% dos financiamentos são feitos no Banco da Amazônia.

Durante o encontro, o presidente do Banco da Amazônia mostrou os números do crescimento da economia brasileira pós-crise. O Produto Interno Bruto (PIB), do 2º trimestre desse ano cresceu 1,9% em relação ao 1º trimestre. O consumo das famílias também cresceu em 2,1% em relação ao mesmo período do ano passado.

As perspectivas de desenvolvimento da região também foram mencionadas, como os investimentos em obras do PAC - geração de energia elétrica limpa (hidroelétricas) e obras de infraestrutura básica. Em 2010, 1,5 bilhão serão destinados aos Projetos do PAC, com recursos do FNO, BNDES e FDA.

Fonte: Ass. de Comunicação Social Sistema FIEAM
Fotos: Vanessa Damasceno


Permitida reprodução deste citada a fonte.

Seja o primeiro a comentar!

Postar um comentário

?Leia abaixo antes de comentar

* Todos os comentários são moderados;
* Comentários em 'anônimo' serão rejeitados;
* Comente somente o que for referente ao tema publicado;
* Ofensas pessoais ou spam serão rejeitados;
* Obrigado por sua visita no Manaus em Notícia e volte sempre!