Olá,  seja bem-vindo!  |  Entrar  |  Criar conta  |  Precisa de ajuda?

Local>> Força Nacional vai reforçar policiamento nas fronteiras

Publicado para Redação em sexta-feira, 5 de fevereiro de 2010 | 5.2.10

O Ministério da Justiça autorizou o emprego da Força Nacional de Segurança Pública no combate ao tráfico de drogas, armas e contrabando nas regiões de fronteira em 11 estados brasileiros. A portaria foi publicada no Diário Oficial da União de hoje (5).

Os policiais da Força Nacional vão atuar em apoio ao efetivo do Departamento de Polícia Federal nos estados do Amapá, Pará, de Roraima, do Amazonas, Acre, de Rondônia, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, do Paraná, de Santa Catarina e do Rio Grande do Sul.

+Siga o MN no Twitter!


O número de policiais a ser disponibilizado pelo ministério vai seguir planejamento definido pelos órgãos envolvidos na operação. O prazo para a realização das operações será de 120 dias, prorrogáveis, a contar de hoje.

O combate aos crimes nas fronteiras foi tema de encontro dos secretários de Segurança Pública com o secretário nacional, Ricardo Balestreri, no fim do ano passado. Na ocasião, o secretário apresentou um projeto de Policiamento Especializado de Fronteiras (Pefron), previsto no Programa Nacional de Segurança Pública com Cidadania (Pronasci).

O Pefron foi desenvolvido para combater os crimes característicos das divisas, como o contrabando de armas e munições, o narcotráfico, a exploração de madeira, o tráfico de pessoas e o furto e roubo, especialmente de veículos.

Fonte: Agência Brasil/ABr

Permitida reprodução deste citada a fonte.

2 Comentários:

Anônimo disse...

Espero que, com esse novo efetivo a segurança melhore pelo menos no Interior

Jefferson Batista disse...

A segurança em Manaus está um desastre. Ontem só via bandidos roubando o pessoal no Leva Eu.

Postar um comentário

?Leia abaixo antes de comentar

* Todos os comentários são moderados;
* Comentários em 'anônimo' serão rejeitados;
* Comente somente o que for referente ao tema publicado;
* Ofensas pessoais ou spam serão rejeitados;
* Obrigado por sua visita no Manaus em Notícia e volte sempre!