Olá,  seja bem-vindo!  |  Entrar  |  Criar conta  |  Precisa de ajuda?

SENAI destaca a alimentação segura com palestra do Dr. Bactéria

Publicado para Redação em quarta-feira, 16 de março de 2011 | 16.3.11

O SENAI Amazonas promoveu nesta terça (15/03), às 17 horas, no auditório Gilberto Mendes de Azevedo, do SESI, a palestra ‘Saiba como se Alimentar com Segurança’, com o biomédico Roberto Martins Figueiredo, o “Doutor Bactéria”. Essa foi uma das atrações do lançamento do Programa Alimentos Seguro (PAS) realizado hoje na capital.

+Siga a gente no Twitter!

Na palestra, o “Dr. Bactéria” falou sobre os perigos físicos, biológicos e químicos que podem estar presentes nos alimentos e também deu dicas de como evitar esses problemas. Na ocasião, houve distribuição da cartilha do consumidor para uma alimentação segura. Segundo o especialista, 45% das doenças alimentares causadas por microorganismos ocorrem nas residências e somente 15% nos restaurantes.

Para ficar longe das bactérias em casa, o Doutor aconselhou os participantes a não praticarem alguns hábitos como: lavar a carne antes de prepará-la, lavar ovos antes de cozinhar, esperar a comida esfriar para depois guardar na geladeira, usar esponja de cozinha por mais de uma semana, assoprar vela em cima do bolo. Ele falou ainda sobre a preocupação com a fabricação de maioneses caseiras e o não cumprimento de legislação já existente desde 2004 que proíbe a venda de pizzas em caixas de papelão. “As comidas devem ser manuseadas/ transportadas em superfícies lisas, impermeáveis e laváveis”, alertou.

Segundo o especialista, os objetos mais contaminados com bactérias são em ordem de contaminação: carrinho de supermercado, teclado e mouse, celular e o local onde as pessoas seguram no ônibus. “As pessoas não tem noção do “zoológico” que é a mesa de trabalho, o teclado e o mouse que você usa diariamente para trabalhar tem mais bactérias do que aquele ônibus lotado, brincou.

Quando indagado sobre as especificidades do Estado, ele ressalta os cuidados que os amazonenses devem ter com a comercialização de peixes, comida típica da região. “Alguns cuidados que devemos ter é em relação a refrigeração, temos que ter sempre duas partes de gelo para cada uma de peixe, na escolha do alimento deve ser observado se escama está soltando fácil, se o olho está em órbita e se a guelra (órgãos de respiração do peixe) ainda está vermelha, não se deve lavar o peixe. Depois de pronto ele pode passar apenas duas horas em temperatura ambiente e cinco horas no refrigerador.

Compareceram ao evento empresários do ramo alimentício local; representantes de órgãos e instituições públicas e estudantes universitários. O coordenador da Anvisa, Jeferson Caldas, a instituição é uma das parceiras da iniciativa. “Nós iremos atuar fortemente na questão da sensibilização do público em locais de grande circulação como feiras e shoppings. Queremos deixar o consumidor informado e sensibilizado a ponto de denunciar qualquer irregularidade. Em nosso caso específico o cuidado com os passageiros das aeronaves e embarcações” disse.

Desde 1997, o SENAI Amazonas faz parte do Comitê Gestor Estadual do PAS, que beneficia a cadeia produtiva de alimentos, do campo à mesa do consumidor. O programa é aplicado em todo o país pelo SENAI e parceiros do Sistema S e do governo federal.

A programação de sensibilização continua nos supermercados e shoppings para atingir o maior público possível. As ações serão realizadas entre os dias 16 e 18 de março, no Restaurante do SESC, no Amazonas Shopping, no Supermercado DB na Zona Leste de Manaus. Nestes estabelecimentos, além das orientações sobre o cuidado com os alimentos, haverá distribuição de panfletos e orientações individualizadas sobre o tema.

Fonte: Ass. de Comunicação Sistema FIEAM
Foto: Reprodução


Permitida reprodução deste citada a fonte.

Seja o primeiro a comentar!

Postar um comentário

?Leia abaixo antes de comentar

* Todos os comentários são moderados;
* Comentários em 'anônimo' serão rejeitados;
* Comente somente o que for referente ao tema publicado;
* Ofensas pessoais ou spam serão rejeitados;
* Obrigado por sua visita no Manaus em Notícia e volte sempre!