Olá,  seja bem-vindo!  |  Entrar  |  Criar conta  |  Precisa de ajuda?

Projeto 'ArticulAção' faz evento com variedades e promoverá outros na zona Norte e Rural

Publicado para Redação em terça-feira, 17 de agosto de 2010 | 17.8.10

A ManausCult promoveu mais um fim de semana cultural na cidade, por meio do projeto Articulação. Dessa vez os moradores do bairro do Dom Pedro, zona Centro-Oeste, foram os agraciados com vários espetáculos artísticos.

+Siga a gente no Twitter!

Os espetáculos foram realizados na Praça de Alimentação do bairro. Na noite de sábado, 14, a festa foi comandada pelas atrações musicais.

Os cantores Zezinho Corrêa e Salomão Rossy atraíram o público cativo com canções de grande sucesso na carreira dos artistas.

O Grupo Amazônia subiu ao palco com teclado, violino e flauta para apresentar o melhor da música clássica.

Pela primeira vez, a dona de casa Flávia Cunha de 27 anos, conferiu pessoalmente um espetáculo desse estilo musical. “Eu estou encantada. As vezes via pela Televisão e não gostava muito, mas ao vivo é lindo. O som dos instrumentos mexe com a gente. Parabéns para a Prefeitura, que teve essa iniciativa e para o grupo também”, disse Flávia.

O estilo pop rock da banda Roxie, formada principalmente por mulheres encerrou os show de sábado, tirando todo mundo do chão ao som de Alanis Morissette, Skank, CPM22, e clássicos do rock internacional.

A programação do Articulação de domingo, 15 diversificou a arte. Crianças, jovens e adultos assistiram a peças teatrais, shows de Serestas e espetáculos de dança.

A peça teatral “Cici e as formigas tucandeiras”, do grupo Teatro para Todos, lotou a platéia da praça de alimentação e arrancou gargalhadas da criançada. Ana Jaqueline de cinco anos assistiu ao espetáculo atentamente e disse que entendeu a mensagem da história. “A cigarra e as formigas disseram que temos que preservar o meio ambiente para não acabar a água. Vou falar para os meus amigos da escola”, disse menina entusiasmada.

O produtor e diretor do espetáculo João Taneda comentou: “Estou muito feliz com o resultado do Articulação. Quero agradecer ao público e a diretora-presidente da ManausCulT Livia Mendes por essa oportunidade e por valorizar, disse Taneda.

Para os da antiga, a cantora Mary Joe apresentou um show de serestas. O projeto, que tem o objetivo de resgatar o ritmo nostálgico é um dos premiados do Programa de Apoio e Incentivo à Cultura (Paic). “A ideia é criar pontos na cidade para praticarmos a seresta em Manaus”, disse a cantora.

O grupo de dança Gedam foi aplaudido pela performance da lenda amazônica “Jurupari”. As expressões corporais precisas encantaram a platéia. “Os bailarinos são muito bons. Não deixam nada a desejar para grupos de dança de outras cidades do brasileiras”, disse a industriária Célia de Melo.

A cantora e compositora Lucinha Cabral fechou as apresentações com um repertório eclético, que incluiu o sucesso “Brasileira”.

Nos dias 21 e 22 (sábado e domingo), a partir da 18h, o Articulação estará no Complexo Esportivo Amadeu Teixeira, no bairro Santa Etelvina.

Nos dias 20 e 21 (sexta e sábado), a partir das 09h alunos da escola Canaã II, na comunidade do Julião recebem as oficinas de “fotografia” e “Do traço a forma”, ministradas pelo fotógrafo Carlos Navarro e pelo artista plástico Ely Bacelar.

Fonte: Semcom

Permitida reprodução deste citada a fonte.

Seja o primeiro a comentar!

Postar um comentário

?Leia abaixo antes de comentar

* Todos os comentários são moderados;
* Comentários em 'anônimo' serão rejeitados;
* Comente somente o que for referente ao tema publicado;
* Ofensas pessoais ou spam serão rejeitados;
* Obrigado por sua visita no Manaus em Notícia e volte sempre!