Olá,  seja bem-vindo!  |  Entrar  |  Criar conta  |  Precisa de ajuda?

Estudantes vão à rua para protestar e Amazonino promete a recuperação urgente das 120 Meias-Passagens mensais

Publicado para Jerry Araújo em quarta-feira, 6 de maio de 2009 | 6.5.09

Foto: Blog do Holanda
De: Jerry Araújo. E-Mail: manausmanabus@ymail.com
Mais um dia de protestos, gritos e congestionamentos marcaram o cotidiano do manauara. Desta vez, os estudantes conseguiram invadir o prédio da Prefeitura Municipal de Manaus (PMM), na tarde desta quarta-feira (6), e pediram que o prefeito da cidade, Amazonino Mendes, pelo menos, uma promessa de que seria revogada a emenda que reduz às meias-passagens do estudantes e universitários.

"Não vou permitir que os estudantes sejam prejudicados. O estudante tem que ter o passe para estudar, não importa quantos sejam. O passe estudantil não onera tanto assim as empresas", disse Amazonino. Segundo o prefeito, é preciso acabar com as irregularidades existentes hoje no sistema de transporte público, como o fato de pessoas que não são estudantes estarem utilizando a meia-passagem.

Mesmo com esta promessa surpreendente, a sociedade estudantil promete realizar mais um grande 'grito' amanhã, por volta das 15h30, em frente ao Instituto de Educação do Amazonas (IEA), e também novos protestos, até que seja colocada em pauta a substituição da Emenda 10/2008, a tal lei polêmica, que faz vários restringimentos no uso da carteirinha estudantil.

"A primeira batalha nós vencemos, mas não ganhamos a guerra. Continuaremos nas ruas para garantir que o poder público discutirá as questões do transporte com a sociedade", afirmaram os líderes dos movimentos estudantis.

Ainda na tarde de hoje, houve diversas movimentações, mais de 15 Km de lentidão foram registrados pelo Instituto Municipal de Tranporte e Trânsito (IMTT). As avenidas Getúlio Vargas, 7 de Setembro, Eduardo Ribeiro, Joaquim Nabuco (essas ficam no Centro), São Jorge (São Jorge), Constantino Nery (altura do bairro da Chapada), Djalma Batista (próximo aos shoppings), Gen. Rodrigo Otávio (Japiim, em frente à UFAM), Recife (Adrianopólis) e André Araújo (Aleixo) foram praticamente fechadas.

Permitida reprodução deste citada a fonte.

Seja o primeiro a comentar!

Postar um comentário

?Leia abaixo antes de comentar

* Todos os comentários são moderados;
* Comentários em 'anônimo' serão rejeitados;
* Comente somente o que for referente ao tema publicado;
* Ofensas pessoais ou spam serão rejeitados;
* Obrigado por sua visita no Manaus em Notícia e volte sempre!