Olá,  seja bem-vindo!  |  Entrar  |  Criar conta  |  Precisa de ajuda?

CheckUP | Semsa fará programação para consientizar e combater o tabaco em Manaus

Publicado para Redação em sexta-feira, 28 de maio de 2010 | 28.5.10

“Fumar não é chique. O Fumo acaba com sua imagem”. A frase, que serve de mote, este ano, para o “Dia Mundial sem Tabaco”, tem alvo certo: as mulheres. O público feminino está fumando mais em Manaus e no restante do mundo e isso já preocupa as autoridades de saúde. A recomendação para dirigir a campanha, principalmente para esse público, é da Organização Mundial de Saúde (OMS).

+Siga a gente no Twitter!

Em Manaus, a Prefeitura de Manaus, por meio da Secretaria Municipal de Saúde, organizou uma programação de caráter educativo para marcar o “Dia Mundial sem Tabaco”, celebrado em 31 de maio. A abertura da programação acontecerá neste domingo (30), às 17h, com atividades no Parque dos Bilhares.

Na segunda-feira (31), das 10h às 12h, a ação será realizada em cinco shopping centers, com equipes da Semsa distribuindo folhetos educativos e orientando sobre o serviço que a Prefeitura de Manaus disponibiliza para tratamento de fumantes. Estão programadas, ainda, palestras em escolas, empresas e órgãos públicos. Em cada um dos quatro Distritos de Saúde da zona urbana, equipes formadas por Agentes Comunitários de Saúde (ACS) irão às ruas para distribuir folhetos e adesivos da campanha para carros.

De acordo com o secretário municipal de Saúde, Francisco Deodato, os estudos da OMS apontam que o marketing das indústrias de tabaco voltou-se para as mulheres, nos últimos anos. Segundo a OMS, a propaganda associa o cigarro à mulher independente e charmosa. Pesquisa do Ministério da Saúde mostra que, em Manaus, seguindo uma tendência mundial, as mulheres vêm sucumbindo a esse apelo. O estudo, realizado pela Vigilância de Fatores de Risco e Proteção para Doenças Crônicas por Inquérito Telefônico (Vigitel), considerou os anos entre 2007 e 2009.

O uso do tabaco entre as mulheres aumentou de 6,8% para 7,3%, entre 2008 e 2009, em Manaus. Os homens continuam sendo a maioria entre os fumantes, embora o sexo masculino tenha fumado menos nos últimos três anos. Em 2007, eles representavam 22,9% dos fumantes de Manaus. Em 2009, esse número caiu para 17,4%.

Outra boa notícia é que o número de fumantes com idade acima de 18 anos diminuiu cerca de 4,2% entre os moradores de Manaus. No primeiro ano da pesquisa, o total de fumantes acima dos 18 anos correspondia a 16,3% da população local. Este número reduziu para cerca de 12,1%, em 2009, o que representa cerca de 136 mil fumantes em Manaus, conforme dados da Vigitel. “Trata-se de uma redução significativa, em função da dificuldade que é abandonar o vício”, afirma o secretário Francisco Deodato.

A coordenadora do Programa de Combate ao Tabagismo da Semsa, Marlene Souza, diz que um dos motivos para o aumento do número de fumantes entre as mulheres é o “status” social que o cigarro atingiu neste público. A coordenadora ressalta que esse fenômeno vem ocorrendo em todo o mundo. “Conforme a OMS, hoje, 20% dos fumantes no mundo são mulheres. Há cinco anos, esse percentual não era nem a metade disso”, reforça Marlene Souza.

Ambulatórios para fumantes

Para quem deseja parar de fumar, a rede municipal de saúde conta com o serviço de apoio oferecido em quatro “Ambulatórios de Tratamento Fumantes”, que funcionam em cada uma das zonas da cidade. Em junho, de acordo com o secretário Francisco Deodato, mais quatro ambulatórios serão inaugurados.

Nos “Ambulatórios de Tratamento de Fumantes”, as pessoas que buscam ajuda recebem atendimento multiprofissional, com médico, psicólogo, fisioterapeuta, enfermeiro, nutricionista, odontólogo e assistente social. O tratamento dura cerca de um ano. Na primeira fase, o paciente realiza exames, passa por encontros semanais com a equipe médica e participa de sessões de terapia cognitivo-comportamental em grupo.

Dependendo da necessidade, poderá participar de sessões individuais e, conforme o quadro clínico, o paciente pode receber, inclusive, tratamento medicamentoso.

O único pré-requisito para se inscrever no programa é querer parar de fumar. Os inscritos passam por uma entrevista com um profissional capacitado, para detectar o grau de dependência do tabaco. Após essa etapa, os participantes são incluídos nas atividades do programa. “Nos ambulatórios, a família também recebe orientação dos profissionais, para dar esse incentivo”, reforça o secretário.  

Caminhada

A programação relativa ao “Dia Mundial sem Tabaco” que acontecerá no Parque dos Bilhares incluirá uma caminhada em prol da saúde, com o objetivo é estimular a realização de atividades físicas. “Querer parar de fumar e ter hábitos mais saudáveis é o primeiro passo para deixar o tabaco”, diz a coordenadora da campanha e do Programa de Combate ao Tabagismo da Semsa, Marlene Souza.

Após a caminhada, o público poderá assistir a uma palestra, proferida pelo médico cardiologista Aristóteles Alencar, sobre o tema “Tabaco e Gêneros. Com Ênfase no Marketing para Mulheres”. Após a palestra, haverá um espaço para depoimentos de ex-fumantes, que foram atendidos no serviço para tratamento oferecido pela Semsa. Ao final, está programado um show da banda Contágio.

Fonte: Semsa
Foto: Reprodução


Permitida reprodução deste citada a fonte.

Seja o primeiro a comentar!

Postar um comentário

?Leia abaixo antes de comentar

* Todos os comentários são moderados;
* Comentários em 'anônimo' serão rejeitados;
* Comente somente o que for referente ao tema publicado;
* Ofensas pessoais ou spam serão rejeitados;
* Obrigado por sua visita no Manaus em Notícia e volte sempre!